DE COMER E CHORAR POR MAIS?

Terra de Pescadores, Portimão foi desde sempre, local incontornável de passagem de todos aqueles que verdadeiramente apreciam as dádivas do mar, e são tantas. Sardinha, carapau, salmonete ou sargo grelhados no carvão, sopa de peixe, de lingueirão, de cação ou de camarão, arroz de safio ou polvo, lulas ferradas, choquinhos com tinta, carapaus alimados, feijoada de buzinas, atum de cebolada, amêijoas à Portimonense, caldeiras e cataplanas de peixe… convencido?

E se por alguma razão o peixe e o marisco não forem a sua praia, não faltam especialidades alternativas. As sopas de beldroegas, de acelgas, de feijão branco com batata-doce, de pão com tomate, de grão ou o famoso arjamolho, bem como as papas de milho acompanhadas de enchidos ou marisco, o cozido de grão e as famosas “ervilhas à Portimonense”, ou não estivéssemos a falar de uma cozinha de influência rural.

E para adoçar ainda mais a experiência, não faltam verdadeiras delícias da doçaria local, com destaque para os figos e as amêndoas, os Dons Rodrigos, bolas de amêndoas, tarte de amêndoa, tarte de alfarroba, morgados, morgadinhos, queijos de figo e figos com amêndoas e para rematar, nada melhor do que uma aguardente de medronho ou um licor tradicional produzido a partir de frutas locais e mel.
 

Voltar à lista das ofertas